Veja 5 dicas para evitar roubos e furtos de carros

roubo-carro-assalto-assaltante-20121102-size-5981

Pequenas medidas de prevenção proporcionam um efeito muito mais eficaz do que se pensa para atrapalhar a ação de ladrões. Apesar de algumas dicas de segurança parecerem evidentes e um pouco batidas, ironicamente, elas costumam ser muito negligenciadas pelos proprietários de carros. E é exatamente nesses vacilos que os criminosos encontram suas maiores brechas.

Confira abaixo algumas dicas para evitar roubos e furtos de carros.

1) Use o bom senso ao escolher um local para estacionar

Deixar o carro em um estacionamento fechado é sempre a melhor opção para impedir os furtos e roubos. Contudo, quando não houver escolha e for preciso parar o carro na rua, evite ambientes desertos e de fraca iluminação. Procure sempre estacionar em ruas iluminadas, em frente a prédios com vigias e perto de câmeras de segurança, pois pode inibir a ação do ladrão.

2) Atente com adesivos que mostrem informações pessoais

Um adesivo que mostra que o proprietário estuda na faculdade mais cara da cidade, pode atrair o ladrão. Já um adesivo feminino também pode indicar ao ladrão que o carro pertence a uma mulher. Caso o objetivo for um assalto, essa informação pode incentivar o criminoso a mirar exatamente esse veículo, já que ele pertence a uma vítima mais vulnerável.

3) Não deixe documentos no carro

Boletos bancários, cartões e correspondências podem ser usados pelos ladrões para acessar sua conta ou planejar um roubo a sua casa. A carteira de motorista e o registro do carro também não precisam ficar no interior do veículo. Se o carro for levado com os documentos, os criminosos podem ter mais facilidade para vender e usar seu automóvel.

4) Evite dizer a flanelinhas quanto tempo você irá demorar até retornar

Muitas vezes após estacionar o veículo, os flanelinhas perguntam quanto tempo irá demorar até voltar. O ideal é sempre dizer: ‘Vou apenas entregar alguma coisa e já volto’. Caso o objetivo for furtar o carro, o ladrão pode desistir ao saber que não terá tempo para agir com tranquilidade.

5) Atenção com os “falsos mecânicos”

O golpe do “falso mecânico” pode acontecer de duas maneiras. A primeira ocorre quando o ladrão faz alguma “gambiarra” no carro para que o dono tenha problemas ao tentar dar a partida. Pouco tempo depois, ele “cai do céu”, apresenta-se como um mecânico e aproveita a situação para roubar o veículo, objetos, dinheiro, etc.

O outro tipo de estratégia, o ladrão se aproxima do motorista para informá-lo sobre um suposto defeito e diz que pode ajudá-lo a consertar. Ao encostar o veículo, o criminoso conclui sua ação.

Se na partida o carro enguiçar, tranque-o, coloque o triângulo e procure assistência especializada. E se alguém sinalizar um defeito quando o veículo estiver em movimento, deixe para estacionar em um posto de gasolina, ou em uma base da polícia. Não aceite ofertas de assistências que você não pediu.

Deixe um comentário